Revista Moviola – Revista de cinema e artes » Mostra Corpos da Terra – CineMosca

Mostra Corpos da Terra – CineMosca


Por

Publicado em 19 de Abril de 2018

29683571_161468161224743_392510526306698276_n

 

A mostra Corpos da Terra, cujas produções selecionadas refletem sobre a resistência indígena no Brasil atual, tem sua segunda edição entre os dias 20 e 23 de abril. O evento é realizado em parceria com o CineMosca e, além da exibição de filmes, terá mesas de discussão sobre a diversidade de mundos indígenas em luta e música.

A experiência feminina, a arte e as línguas indígenas servirão como eixos para o debate sobre diferentes modos de estar, se relacionar e conceber a terra. A exibição dos filmes é gratuita e ocorre no Front, na Rua Benedito Hipolito, 1 – Cidade Nova – Praça Onde – Rio de Janeiro.

 
Programação

 
DIA 20/04 (Sexta) – TERRA E ANCESTRALIDADE

 
18h – Sessão: “Retomada Teykue” (2016), do Coletivo Ascuri; 15 min. Colorido.
“Vida e Luta na Retomada Tei’ykue” (2018), do Coletivo Ascuri; 07 min. Colorido.
“Guardiões da memória” (2018), de Alberto Alvares – 52 min. Colorido.

19h30 – Roda de conversa com o cineasta Guarani Ñandeva Alberto Alvares e o cineasta Guarani Kaiowá Ademilson Conciaza (Coletivo Ascuri).

21h30 – Apresentação do grupo musical Batuque de Igapó

 

DIA 21/04 (Sábado) – CAMINHOS DA ARTE

 
16h – Sessão: “Fantasia de índio” (2017), de Manuela Andrade – 18 min. Colorido;
“Em busca da terra sem males” (2017), de Anna Azevedo – 15 min. Colorido;
“Txirin, o batismo do gavião” (2017), de Isaka Mateus Huni Kuî e Carolina Canguçu – 29 min. Colorido.

17h – Roda de conversa com o designer e ilustrador Denilson Baniwa e o pesquisador na etnia Huni Kuî Amilton Mattos.

19h – Apresentação do DJ Anapuaka Tupinambá

 

DIA 22/04 (Domingo) – MULHERES INDÍGENAS, INDÍGENAS MULHERES

 
14h – Roda de conversa com a comunicóloga Tupinambá Renata Machado, a antropóloga Baniwa (mestranda do Museu Nacional) Isabel Oliveira e a cineasta Guarani Kaiowá Michele Perito (Coletivo Ascuri).
17h – Sessão: “Tekoha – som da terra” (2017), de Rodrigo Arajeju e Valdelice Veron – 20 min. P&B;
“Piragui – A dona dos peixes” (2016), de Luiza Calagian – 21 min. Colorido.
“Retomar para existir” (2015), de Olinda Muniz Wanderley – 22 min. Colorido.

DIA 23/04 (Segunda) – LÍNGUA E RESISTÊNCIA

 
16h – Sessão: “Patxohã – Língua de guerreiros” (2017), de Claudiney Ferreira – 52 min. Colorido.

17h – Roda de conversa com a linguista Pataxó Anari Braz Bomfim e o antropólogo Puyanawa (doutorando do Museu Nacional) Jósimo Constant Puhku.

 

+ Infos: 

Curadoria: Eric Macedo, Flora Bezerra, Gabriel Meyohas e Thiago Ortman
Produção: Lúdica Produções e Mosca Produções
Entrada gratuita. Haverá uma caixa para a livre contribuição na entrada do espaço.
Sessões no teatro com lotação máximo para 50 pessoas.
Rodas de conversa no terraço com lotação para 120 pessoas.
Contato:  (21) 96518-5667



Deixe um comentário

(obrigatório)

(obrigatório)


Dê a sua opinião. Mas lembre-se: os comentários serão moderados. Apenas após análise dos editores eles serão postados.



RSS feed para comentários deste artigo | TrackBack URL

 

Por Revista Moviola

19 de Abril de 2018

  A mostra Corpos da Terra, cujas produções selecionadas refletem sobre a resistência indígena no Brasil atual, tem sua segunda edição entre os dias 20 e 23 de abril. O evento é realizado em parceria com o CineMosca e, além da exibição de filmes, terá mesas de discussão sobre a diversidade de mundos indígenas em […]

Por Revista Moviola

17 de Abril de 2018

  A dica de um precioso acervo para entender a situação indígena no Brasil atual é da jornalista Raquel Baster, mineira que vive atualmente no estado da Paraíba e colaborada com algumas atividades do Movimento da Mulher Trabalhadora Rural do Nordeste (MMTN-NE), entre elas, a oficina de roteiro para o documentário Mulheres rurais em movimento (2016), filme […]

Por Revista Moviola

14 de Abril de 2018

O documentário O desmonte do Monte, dirigido por Sinal Sganzerla, aborda a história do Morro do Castelo, seu desmonte e arrastamento. O Morro do Castelo, conhecido como “Colina Sagrada”, foi escolhido pelos colonizadores portugueses para ser o local das primeiras moradias e fundação da cidade do Rio de Janeiro. Apesar de sua importância histórica e […]

Por Revista Moviola

12 de Abril de 2018

  O documentário Auto de Resistência, dirigido por Natasha Neri e Lula Carvalho,  aborda os homicídios praticados pela polícia contra civis no estado do Rio de Janeiro. As mortes e as violações dos direitos humanos acontecem em casos conhecidos como “autos de resistência” – classificação usada para evitar que os policiais sejam responsabilizados pelos homicídios, […]

Por Revista Moviola

11 de Abril de 2018

O filme Livre Pensar – cinebiografia Maria da Conceição Tavares homenageia uma das economistas mais importantes do Brasil e, particularmente, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). A sessão de exibição do documentário ocorrerá dia 24 de abril, às 18h, no Salão Pedro Calmon da UFRJ (Av. Pasteur, 250, 2º andar / Urca). A […]

Anima Mundi Animação animações Brasil Cineclube Cinema cinema americano cinema brasileiro Cinema francês Crítica crítico de cinema Curta Curta-metragem Curtas Documentário Entrevista Facha Festival Festival de Berlim Festival de Cannes Festival de Veneza Festival do Rio Festival do Rio 2009 Festival do Rio 2010 Festival do Rio 2011 Festival do Rio 2012 Festival do Rio 2013 Fest Rio festrio filme França Gay Literatura London Film Festival Luiz Rosemberg Filho Mix Brasil Mostra Mostra de Tiradentes Música Odeon Oscar Resenha Rio de Janeiro Versos É Tudo Verdade

WP Cumulus Flash tag cloud by Roy Tanck and Luke Morton requires Flash Player 9 or better.