Revista Moviola – Revista de cinema e artes » O Fim da Picada

O Fim da Picada


Por

Publicado em 30 de Janeiro de 2009

O Fim da Picada, 2008, de Christian Saghaard.

Macário e o inferno da São Paulo contemporânea.

Após orgia satanista na praia, em 1850, Macário se encontra com o Diabo, com quem segue viagem para a cidade de São Paulo. O demônio, no entanto, engana-o, uma vez que leva Macário para a São Paulo do século XXI, metrópole com 20 milhões de habitantes onde o herói passa a viver à margem da sociedade.

Livremente inspirado em Álvares de Azevedo, O Fim da Picada se nutre de fontes diversas: cultura afro-brasileira (o Diabo encarna na pele de Exú-Lebara, entidade fantástica feminina), cinema experimental (sobretudo a cine-magia de Jairo Ferreira) e gêneros fílmicos estabelecidos, tais quais ficção científica (Macário vaga pela cidade com capacete de astronauta, ao som de Assim Falou Zaratrusta, de 2001: Uma Odisséia no Espaço) e terror (a presença de Zé do Caixão, a sequência gore em que a mãe perde e recupera a cabeça). A referência principal de Christian Saghaard, contudo, é Sérgio Bianchi, já que O Fim da Picada demonstra a mesma ânsia pelo choque a qualquer custo que Cronicamente Inviável.

Ao transportar Macário de 1850 para 2008, Christian Saghaard entra no terreno pantanoso da alegoria: em O Fim da Picada, a São Paulo contemporânea representa o inferno, premissa que o diretor reforça à exaustão, não apenas com a onipresente sentença dita por quase todas as personagens (“antes, o diabo perseguia os homens, hoje, os homens perseguem o diabo”), como também através da hiper-inflação de sons e de imagens: planos sobrepostos, cores invertidas, travellings e movimentos de câmera insanos, música e ruídos estridentes. Curiosamente, o filme obtém efeito oposto, já que anula a cidade enquanto espaço de representação. São Paulo é o caos – mas por que? que forças sociais, políticas e econômicas interagiram ao longo de século e meio para transformar o maior centro urbano brasileiro na visão do apocalipse?

Para Christian Saghaard, assim como para Sérgio Bianchi, o mal é endêmico. O Diabo se apossou de São Paulo, desceu à terra na forma do Saci Pererê para se afirmar, mas nem precisava: quando se observa o comportamento da mãe hipócrita, mais preocupada com o carro e em malhar do que com o próprio filho, ou da criança que adora violência, ou da mulher que sacaneia o cachoro, chega-se à conclusão que os problemas da metrópole decorrem da vilania em si de seus moradores.

Se O Fim da Picada não se liberta do vício de Cronicamente Inviável, melhor assistir à trilogia de José Mojica Marins (À Meia-Noite Levarei Sua Alma, Esta Noite Encarnarei no Teu Cadáver e Encarnação do Demônio), onde o diabo se confunde com as alucinações da mente perturbada de Zé do Caixão e na qual os habitantes são vítimas das crendices populares. Ou ao clássico Fausto, de F. W. Murnau, em que Mephisto e o anjo Gabriel duelam pela alma dos homens, os quais jamais perdem seu livre-arbítrio.

Veja a cobertura completa da 12ª Mostra de Cinema de Tiradentes



6 Commentários sobre 'O Fim da Picada'

  1.  
    Mateus

    31 Maio, 2009| 11:48 pm


     

    Ruim de doer.

  2.  

    12 Setembro, 2009| 2:58 am


     

    Muito alternativo. Adorei. Ótima leitura da vida metropolitana, com as mesmas críticas de um filme convencinal, mas com uma roupagem fantástica de delirante.

    Não recomendado para quem gosta de musicais.

  3.  
    Katia Ludemann

    25 Setembro, 2009| 12:25 am


     

    Christian, adorei. espero poder reassisti-lo mais, ou, continue, inovou alguma coisa por aqui! adorei

  4.  
    Katia Ludemann

    25 Setembro, 2009| 12:26 am


     

    rolou um fim da picada, mesmo!

  5.  
    ivan andrade

    28 Setembro, 2009| 5:00 am


     

    Vai passar na mostra “Horror no Cinama Brasileiro”, aqui em BSB.
    Fiquei curioso e estou doido pra ver. De horror, só conhecia Mojica. Agoratem até Khouri.São 27 filmes. Vai ser bom

  6.  
    lis

    5 Maio, 2010| 6:55 pm


     

    alguma ideia de onde posso encontrar este filme? não achei nas locadoras e nem na net… se alguem souber por favor me avisem!

Deixe um comentário

(obrigatório)

(obrigatório)


Dê a sua opinião. Mas lembre-se: os comentários serão moderados. Apenas após análise dos editores eles serão postados.



RSS feed para comentários deste artigo | TrackBack URL

 

Por Revista Moviola

19 de Outubro de 2019

              O longa-metragem Fendas apresenta uma protagonista mulher e paisagens, sons e imagens que envolvem seu trabalho num centro de pesquisas no Rio Grande do Norte. Seus objetos de pesquisa e seu cotidiano se mesclam. A personagem, uma cientista do campo da física, captura imagens de pessoas à distância. […]

Por Marcella Rangel

22 de Março de 2019

Se7en (1995) é o segundo filme do diretor David Fincher, no elenco, Brad Pitt, Morgan Freeman, Gwyneth Paltrow e Kevin Spacey na pele de um serial killers dos mais interessantes do cinema. O filme conta a história de David Mills (Pitt) e sua mulher, Tracy (papel de Paltrow), o casal esta de mudança mudaça para […]

Por Revista Moviola

20 de Março de 2019

Nos arredores de Orlando, na Flórida, em hotéis e complexos de quinta categoria – com imitações plastificadas de atrações dos parques tão próximos da Disney – são oferecidas estadias para turistas que querem economizar, como também servem de moradia, não oficial, para famílias americanas de baixa renda. Projeto Flórida (2017) é povoado por estes personagens, […]

Por Revista Moviola

15 de Março de 2019

O filme Encantada (2007) conta a história da princesa Giselle (Amy Adams), que mora no reino de Andalasia. Certo dia, após cair em um poço, ela vai parar na cidade de Nova Iorque. Lá encontra Robert (Patrick Dempsey), um procurador e se hospeda no apartamento dele. Edward (James Marsden), o príncipe de Andalasia, também cai […]

Por Revista Moviola

26 de Fevereiro de 2019

Perigo Por Encomenda (2012), escrito e dirigido por David Koepp, traz ao público a cidade de Nova York como elemento determinante na narrativa e na estética do filme. O longa conta a história de um mensageiro que usa como transporte uma bicicleta (Wilee, interpretado por Joseph Gordon-Levitt) em Manhattan, o personagem precisa entregar, um envelope […]

Anima Mundi Animação animações Brasil Cineclube Cinema cinema americano cinema brasileiro Cinema francês Crítica Crítica Cinematográfica crítico de cinema Curta Curta-metragem Curtas Documentário Entrevista Facha Festival Festival de Berlim Festival de Cannes Festival de Veneza Festival do Rio Festival do Rio 2009 Festival do Rio 2010 Festival do Rio 2011 Festival do Rio 2012 Festival do Rio 2013 festrio ficção filme Gay Literatura London Film Festival Luiz Rosemberg Filho Mix Brasil Mostra Mostra de Tiradentes Odeon Oscar Poemas Resenha Rio de Janeiro Versos É Tudo Verdade

WP Cumulus Flash tag cloud by Roy Tanck and Luke Morton requires Flash Player 9 or better.