Revista Moviola – Revista de cinema e artes » Eduardo Coutinho

Eduardo Coutinho


Por

Publicado em 27 de Setembro de 2007

Eduardo Coutinho diz que o seu cinema não se pretende autoral. Muito pelo contrário, o documentarista vem filme a filme questionando as características do dito cinema artístico, maneirista. Nessa busca, Coutinho pôs em primeiro plano, na sua obra, questões como a do efeito câmera, de suma importância para o estudo da teoria do documentário. É com a consciência de que não existe uma relação natural frente uma equipe de cinema, que ele construiu uma filmografia fundamental. São dele, clássicos como Cabra Marcado para Morrer e Edifício Master. Nesta entrevista, ele fala um pouco sobre essas questões e apresenta Jogo de Cena, seu mais novo trabalho. Dê o play.



9 Commentários sobre 'Eduardo Coutinho'

  1.  

    4 Outubro, 2007| 11:29 am


     

    Obrigado, Giovani. O Coutinho é realmente um bom entrevistado. E seu filme novo filme, Jogo de Cena, é um novo clássico. Sem exageros. Continue nos visitando!

  2.  
    Xenya

    3 Janeiro, 2008| 2:31 am


     

    Adorei o site de vocês! Acabei de formar em jornalismo pela Universidade Estadual Paulista e encontrei a Moviola por acaso…numa dessas “andanças” noturnas pela internet e não pude ter encontrado coisa melhor. Vou indicar para o pessoal da faculdade!

  3.  
    Fernando Secco

    3 Janeiro, 2008| 11:33 pm


     

    Obrigado pelos elogios! Espero que cumpra sua promessa e apareça sempre por aqui!
    E ah, indique pra todo mundo, sim!
    hehee
    Abraços!

  4.  
    Isabela

    12 Julho, 2008| 3:44 pm


     

    Já estava na espectativa de assistir o ‘Jogo de Cena’ há muitos meses, mas só entrou em cartaz na cidade onde moro ontem, e fui logo na estréia. Brilhante! O Coutinho é sem dúvidas um dos nossos cineastas mais verdadeiros, suas obras são sempre emocionantes e prazerosas de assistir. Não vejo a hora de ser lançado em dvd para que eu possa assistir novamente.
    Parabéns pela entrevista! Gostei bastante, e boa sorte à todos do site. Vida longa ao jornalismo cultural competente.
    Beijos

  5.  
    Andréa Carla de Oliveira

    1 Agosto, 2008| 4:23 pm


     

    Sou estudante de Jornalismo e por conta de um projeto comecei a decobrir um pouco mais da vida e obra de Eduardo Coutinho, e já assisti Edificio Master, Peões, Jogo de Cena, todos muito bons. Falar de documentário brasileiro é falar de Eduardo Coutinho, um ícone, um cara que consegue como ninguém extrair das pessoas coisas que nem elas jamais pensariam em contar diante das câmeras. Parabéns a vocês pelo espaço dado a esse grande documentarista. Um abraço.

  6.  
    Simone Castro

    8 Setembro, 2008| 9:37 pm


     

    Estou fazendo minha monografia em jornalismo sobre a relação do cinema e do jornalismo através do documentário de Eduardo Coutinho e esta entrevista caiu como uma luva. O Coutinho é uma figura, idéias fantásticas, filmes enigmáticos. Parabéns pela revista, muito bacana todo o material!

  7.  
    Denise

    3 Agosto, 2010| 3:57 pm


     

    Ótimo!!!

  8.  

    10 Janeiro, 2016| 8:18 am


     

    Amei o blog

  9.  

    10 Janeiro, 2016| 9:50 pm


     

    o blog de vocês é muito bom

Deixe um comentário

(obrigatório)

(obrigatório)


Dê a sua opinião. Mas lembre-se: os comentários serão moderados. Apenas após análise dos editores eles serão postados.



RSS feed para comentários deste artigo | TrackBack URL

 

Por Revista Moviola

19 de Abril de 2018

  A mostra Corpos da Terra, cujas produções selecionadas refletem sobre a resistência indígena no Brasil atual, tem sua segunda edição entre os dias 20 e 23 de abril. O evento é realizado em parceria com o CineMosca e, além da exibição de filmes, terá mesas de discussão sobre a diversidade de mundos indígenas em […]

Por Revista Moviola

17 de Abril de 2018

  A dica de um precioso acervo para entender a situação indígena no Brasil atual é da jornalista Raquel Baster, mineira que vive atualmente no estado da Paraíba e colaborada com algumas atividades do Movimento da Mulher Trabalhadora Rural do Nordeste (MMTN-NE), entre elas, a oficina de roteiro para o documentário Mulheres rurais em movimento (2016), filme […]

Por Revista Moviola

14 de Abril de 2018

O documentário O desmonte do Monte, dirigido por Sinal Sganzerla, aborda a história do Morro do Castelo, seu desmonte e arrastamento. O Morro do Castelo, conhecido como “Colina Sagrada”, foi escolhido pelos colonizadores portugueses para ser o local das primeiras moradias e fundação da cidade do Rio de Janeiro. Apesar de sua importância histórica e […]

Por Revista Moviola

12 de Abril de 2018

  O documentário Auto de Resistência, dirigido por Natasha Neri e Lula Carvalho,  aborda os homicídios praticados pela polícia contra civis no estado do Rio de Janeiro. As mortes e as violações dos direitos humanos acontecem em casos conhecidos como “autos de resistência” – classificação usada para evitar que os policiais sejam responsabilizados pelos homicídios, […]

Por Revista Moviola

11 de Abril de 2018

O filme Livre Pensar – cinebiografia Maria da Conceição Tavares homenageia uma das economistas mais importantes do Brasil e, particularmente, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). A sessão de exibição do documentário ocorrerá dia 24 de abril, às 18h, no Salão Pedro Calmon da UFRJ (Av. Pasteur, 250, 2º andar / Urca). A […]

Anima Mundi Animação animações Brasil Cineclube Cinema cinema americano cinema brasileiro Cinema francês Crítica Crítica Cinematográfica crítico de cinema Curta Curta-metragem Curtas Documentário Entrevista Facha Festival Festival de Berlim Festival de Cannes Festival de Veneza Festival do Rio Festival do Rio 2009 Festival do Rio 2010 Festival do Rio 2011 Festival do Rio 2012 Festival do Rio 2013 festrio filme França Gay Literatura London Film Festival Luiz Rosemberg Filho Mix Brasil Mostra Mostra de Tiradentes Música Odeon Oscar Resenha Rio de Janeiro Versos É Tudo Verdade

WP Cumulus Flash tag cloud by Roy Tanck and Luke Morton requires Flash Player 9 or better.